Coworking na Margem Sul

29-03-2019

O termo coworking teve origem em 1999 e foi em S. Francisco que três profissionais se reuniram num apartamento com o objetivo de partilhar experiências. Hoje, existem mais de quarenta espaços de coworking em Portugal e a tendência é que este número aumente atendendo à procura e às vantagens da partilha de um espaço de trabalho.



O que é coworking?

É um local de trabalho onde é partilhado o espaço e os recursos necessários ao funcionamento de um escritório como água, eletricidade, Internet, fotocópias, copa, cacifo, serviços de limpeza, segurança e manutenção. O coworker pode utilizar apenas uma secretária individual, uma secretária partilhada ou reservar uma sala para reuniões  ou workshops quando precisar. Os coworkers não trabalham necessariamente na mesma empresa, mas poderão  fazer parcerias com outros utilizadores do espaço.

Para quem?

Para profissionais liberais, independentes e micro e pequenos empresários. É uma alternativa ao home office e ao arrendamento tradicional de um escritório. Ideal para quem está a iniciar um projeto ou negócio e não quer ter muitos custos no início  e ainda pode beneficiar de outras vantagens.

Vantagens

Como o coworking tem por base a partilha, os custos, são a grande vantagem em relação ao arrendamento tradicional. Trabalhar num espaço bem equipado, com boa localização, acesso a serviços e equipamentos conforme a necessidade de cada utilizador e com custos muito mais baixos, é muito vantajoso. Para quem trabalha em casa, o isolamento pode ser um problema e trabalhar num espaço partilhado, além de quebrar o ciclo da solidão, permite criar sinergias, partilhar experiências e estabelecer uma rede de contactos (networking).  

Preços

Embora os preços dependam da localização e das condições, é possível ter uma mesa de trabalho por 80 € por mês com direito a água, luz e Internet ou um escritório virtual para domicílio profissional e receção de correio por 45 € mensais.

Onde encontrar um espaço em Lisboa e Vale do Tejo


Se está a pensar em trabalhar neste modelo, visite os espaços que lhe possam interessar, compare serviços e preços, analise a localização, se for importante para o seu negócio, e que profissionais utilizam cada espaço para eventuais parcerias. 

Até breve.

Cristina 

(Artigo atualizado em 09/09/2020)