Como ser mais produtivo a trabalhar menos?

08-03-2019

Por mais que faça sente que não nunca faz o suficiente? Os resultados obtidos não são os esperados? Sente que trabalha muito e produz num nível mediano?

Dedicar muitas horas por dia ao trabalho com o objetivo de obter mais resultados, poderá não ser a melhor solução para ser mais produtivo.

Venho apresentar-lhe quatro razões para isso acontecer. Talvez até já saiba os motivos para não ser tão produtivo, mas quero apresentar-lhe soluções para que trabalhe menos horas e tenha melhores resultados.


Razões para não ser produtivo


  1. A falta de organização é uma das grandes causas da falta de produtividade. Quando não há organização, é muito mais difícil cumprir com prazos e muito fácil deixar tarefas por realizar.
  2. Apesar de existir uma relação entre a procrastinação e a falta de organização, procrastinar é muito mais do que não se organizar, é adiar uma ação. Para saber mais sobre procrastinação veja o artigo procrastinar ou a arte de deixar tudo para amanhã.
  3. Quando existe a necessidade de controlo, acumulamos tarefas e responsabilidades que nos criam um grande peso e acabam por ser um impedimento para conseguir dar resposta a todas as tarefas.
  4. Estar sempre disponível para os outros, mesmo que isso colida com outros compromissos e momentos de lazer, é um erro. Precisamos de momentos só nossos e nem sempre podemos estar disponíveis, assim como os outros não estão sempre disponíveis para nós. 

Agora, as soluções


  1. A organização envolve planeamento, por isso, agende as suas tarefas e compromissos para não deixar nada para trás. Anotar na agenda é, em primeiro lugar, assumir um compromisso consigo. Honre-o!
  2. Pare de procrastinar e coloque um ponto final num comportamento que pode ser mudado. Em primeiro lugar, tem de ter consciência que é um procrastinador para mudar esse comportamento. Identifique tudo o que o tira do seu foco. Organize o seu trabalho com metas realistas. No mesmo artigo procrastinar ou a arte de deixar tudo para amanhã encontra mais dicas para acabar com a procrastinação.
  3. Não conseguir fazer tudo é normal. Delegue tarefas a quem tenha competência para fazer tão bem ou melhor do que você faria. Foque-se nas tarefas que dependem de si e trabalhe com mais eficiência.
  4. Saiba dizer não e aprenda a dizer um não positivo. Atenda-se a si primeiro. Você tem prioridade! Não passe à frente a necessidade dos outros antes de se atender a si primeiro. Se não pode, diga "não", para dizer que sim noutro momento mais oportuno. Deste modo, não vai colocar em risco os seus compromissos.

Com estas quatro dicas (agendar, não procrastinar, delegar e dizer não) torne-se mais eficiente e realize as mesmas tarefas em menos tempo. 

Talvez até já saiba o que deve fazer para ter melhores resultados, mas já colocou em prática? Comece agora! Se adiar para amanhã, talvez volte a adiar para o dia seguinte e quando for depois de amanhã, pensará que amanhã é que é um bom dia. Já começou?

Bom trabalho.

Cristina Pinto